Aluno é expulso de faculdade cristã por assistir ao seriado Glee

Pelas normas da universidade os alunos são proibidos de terem contato com entretenimento que contenha conteúdo erótico ou profano.

Uma coluna do site O Globo que comenta fatos inusitados relatou que um aluno da universidade cristã Bob Jones, localizada no estado da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, foi expulso da faculdade por ter sido visto assistindo o seriado Glee.

De acordo com informações do site “Jezebel”, que foi a fonte para o site brasileiro, a universidade proíbe que seus alunos tenham contato com entretenimento que apresente “profanação, realismo escatológico, perversão sexual, realismo erótico, violência assustadora, ocultismo e falsas ideias religiosas e filosóficas”.

Os alunos sabem dessas regras desde o começo do curso, mas parece que o estudante Chris Peterman, de 23 anos, foi visto por uma colega assistindo ao seriado Glee em uma Starbucks fora do campus e foi denunciado. Faltavam apenas algumas semanas para que Peterman concluísse o curso, mas mesmo assim não foi poupado.

Glee é um seriado musical que acontece dentro de um colégio americano, mas a rotina dos alunos que fazem parte do coro da escola também é retratada nos episódios mostrando muitas vezes relações homossexuais.

Comentar

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.