Homem perde prêmio de R$ 35 milhões na loteria por 7 segundos

Bilhete foi invalido por ter sido registrado 7 segundos após as 21h. Joel Ifergan processou loteria, mas perdeu disputa na Justiça canadense

Um canadense perdeu prêmio de 13,5 milhões de dólares canadenses (R$ 35 milhões aproximadamente) por causa de sete segundos. Joel Ifergan chegou a entrar na Justiça para receber o prêmio, mas perdeu a disputa, segundo a imprensa local.

Justiça canadense pôs fim a uma batalha que se arrastava por sete anos.

bilhete premiado - lottery ticket

Ifergan tinha ido a uma loja de conveniência pouco antes das 21h do dia 23 de maio de 2008 para comprar dois bilhetes da loteria. O atendente da loja disse que ele deveria se apressar, pois o prazo para as apostas se encerravam às 21h.

No entanto apenas o primeiro bilhete comprado por Ifergan acabou registrado antes do horário final. O segundo bilhete, justamente o vencedor, foi impresso e registrado sete segundos depois das 21h, invalidando a aposta para a loteria daquele dia.

A loteria, porém, negou a metade do prêmio (27 milhões de dólares canadenses) a Ifergan e entregou a premiação total a outro ganhador. Ifergan processou a Loto-Québec pelo atraso no processamento, mas ele acabou perdendo a disputa na Suprema Corte do Canadá.

Fonte: G1 via CTVNews.ca

Comentar

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.