Homem que roubou carro forte vira celebridade

Tony Montana - Toni Musulin

O motorista de uma empresa de transporte de valores que, no início de novembro, fugiu com 11,6 milhões de euros em Lyon (centro-este), dos quais 2,5 milhões ainda não foram recuperados, recebeu inúmeros pedidos de casamento desde que foi preso.

Camisetas - Tony Musulin
Camiseta com a foto de Tony Musulin que é vendida pelo site www.abrutishirt.com. Vídeos na web também mostram montagem em que o bandido aparece como homem do ano da revista 'Times'.

Musulin virou no fim de semana um astro na internet, onde milhares de admiradores saudaram seu anti-herói – considerado “mais forte que Tony Montana”, o protagonista do filme “Scarface”, protagonizado por Al Pacino.

Usuários do Facebook criaram uma página entitulada “Tony Musulin para presidente”. Membros do “Fã Clube Tony Musulin” dizem que ele é um “herói” por sua abordagem “sem armas e sem violência”.

Depois de virar um astro na internet por sua façanha, Musulin passou também a receber inúmeras propostas de casamento, segundo informou um de seus advogados, Hervé Banbanaste.

Em 18 de novembro, depois de se entregar à polícia em Mônaco, Toni Musulin foi indiciado por roubo e tentativa de fraude.

carro-roubado-toni-musulin
Edifício onde foram encontrados nove dos R$ 29,46 milhões que desapareceram na última quinta-feira (5) do carro-forte em Lyon, na França.

Empregado há dez anos do grupo sueco Loomis, Musulin fugiu no último dia 5 com os 11,6 milhões que levava no carro blindado que dirigia. Cinco dias depois, a polícia encontrou nove milhões, mas 2,5 milhões continuam desaparecidos e podem estar escondidos na França ou no exterior.

Musulin confessou o roubo, mas se nega a explicar os motivos pelos quais se entregou e onde se encontra o resto do dinheiro.

Fonte: AFP / G1 / R7

Comentar

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.