Menina de 9 anos mata instrutor de tiro acidentalmente com uma submetralhadora

Uma menina de 9 anos de idade matou seu instrutor de tiro por acidente ao manusear inadequadamente uma submetralhadora Uzi

A criança participava de uma aula no estande de tiro Last Stop, em White Hills, no Arizona – EUA, quando perdeu o controle da arma.

A menina, que tinha sido matriculada no curso pelos pais, perdeu o controle da Uzi ao sentir o coice do disparo.

O instrutor Charles Vacca, de 39 anos, foi atingido na cabeça e morreu ao ser transportado de helicóptero para um hospital local. Um porta voz do departamento de polícia disse não saber quantas vezes Vacca foi alvejado ou o modelo da Uzi que era utilizado pela garota.

A Uzi é uma popular submetralhadora desenvolvida por um militar israelense na década de 40. Alguns modelos são capazes de emitir 1700 tiros por minuto, ou 30 tiros por segundo, de acordo com o website da fabricante.

Na cultura rural de diversas regiões americanas, é comum ensinar crianças a usar armas de fogo.

Muitos estandes têm leis rigorosas para a instrução de crianças. No caso do Last Stop, não se sabe qual é o limite de idade para participar das aulas.

O Last Stop, um complexo que inclui um restaurante, bar e camping para trailers, tem um programa “Burgers and Bullets” (Hambúrgueres e Balas) que oferece a seus clientes um almoço com visita ao stand de tiro, onde podem escolher entre mais de 20 armas automáticas para atirar, de acordo com o website.

Veja o vídeo (segundos antes de ocorrer a fatalidade)

Fonte: BBC / Daily Mail

Comentar

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.