Mulher pede U$ 666 bilhões por danos provocados pelo demônio

Acusada pelo governo dos Estados Unidos de conspiração, Shawna Cox decidiu processar o país por danos provocados pelo demônio. Ela alega que sofreu danos causados por “trabalhos do diabo”. Como indenização, ela pede o sugestivo valor de U$ 666 bilhões – o número da besta – para reparar os danos causados a ela e seu grupo.

Shawna enfrenta acusações do governo americano de conspiração por ter liderado a ocupação a uma reserva natural que fica no estado do Oregon, nos Estados Unidos.

No processo, ela alega que foi vítima, junto a outros ocupantes, de inúmeros abusos cometidos por mercenários e agentes. Ela chegou a ser detida em janeiro, mas foi liberada alguns dias depois sob algumas condições e regras, como monitoramento por GPS.

Fonte: Último Segundo

Comentar

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.