Preso foge para se entregar à sua paixão por travesti

Ainda existe amor verdadeiro nesse mundo e nem a polícia conseguiu separar um casal apaixonado. Antônio Paulo Lopes, o Paulinho, de 20 anos, fugiu da prisão, no mês de janeiro desse ano, por causa da falta de sua eterna paixão, o travesti chamado ‘Geiza’. Ele estava preso desde dezembro de 2011, na delegacia de Miranda do Norte, no Maranhão, onde respondia por um homicídio. Paulinho disse que a fuga teve um motivo especial: “Não aguentava viver sem olhar diariamente para Geiza“.

No mês de janeiro, ele com mais cinco companheiros de cela, conseguiram fugir. “Como prova de amor fiz uma tatuagem no braço com o seu nome”, disse Paulinho. O fugitivo foi preso novamente na semana passada.

Vejam a matéria completa:

Fonte: SBT / Yahoo

Comentar

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.