Professora obriga aluno a apertar seus seios

Mulher de 39 anos ainda tentou marcar uma rapidinha com menino de 14 anos


A professora de geografia Tammy Clinton, de 39 anos, foi presa na semana passada depois de ter supostamente obrigado um aluno de 14 anos a acariciar seus seios e tentar convencê-lo a fazer sexo com ela.

Ela passou a quinta-feira na prisão depois que o estudante não identificado reclamou que ela o havia forçado a tocar seu corpo enquanto apertava suas nádegas. Segundo ele, a professora tentou persuadi-lo a encontrar com ela fora do horário de aula para que os dois tivessem relações sexuais.

A pouca vergonha toda aconteceu na Farnell Middle School, em Tampa, na Flórida (EUA), e a polícia diz que a denúncia foi feita por um adulto a quem o garoto teria confidenciado o abuso.

Na sexta-feira (5), Clinton foi libertada após pagamento de fiança e terá que responder a acusações de assédio sexual e conduta lasciva.

Fonte: R7

Comentar

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.