Quanto mais chocolate você come, menos sexo você faz

Esse gráfico da revista inglesa Economist é bastante apropriado ao dia de hoje. No Hemisfério Norte (e nos países de língua inglesa), 14 de fevereiro é o dia dos namorados. É o dia de São Valentim, considerado o padroeiro dos namorados, por realizar casamentos escondido quando o casamento era proibido em Roma, no fim do século III.

Chocolate é um presente fácil, por ser de grande praticidade e ser apreciado pela grande maioria das mulheres. Em alguns países da Europa, como a Suíça, Áustria e Alemanha (países frios), sexo e chocolate andam de mãos dadas.

Mas na maioria dos países europeus, na China, na Austrália e no Brasil, a relação entre o consumo de chocolate e a prática sexual está inversamente relacionada. Gregos e brasileiros comem entre um e dois quilos de chocolate ao ano e tem de 80 a 90 relações sexuais por ano.

Por outro lado, britânicos e americanos (comem 10 e 6 quilos de chocolate ao ano) têm apenas 50 relações sexuais no mesmo período. O caso mais intrigante é o dos japoneses: comem dois quilos de chocolate e têm apenas 35 transas a cada ano.

Fonte: Economist / Yahoo

Comentar

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.